Reviews

HANEBADO! Nunca o Badminton foi tão intenso!

| por:

Postado em: #Animes #Fãs #Opinião #TV

Trouxe para vocês hoje um review de Hanebado, que apresentou o Badminton de uma maneira bem intensa e com muita emoção. Pegue sua raquete e a peteca e bora para quadra!

Review

Ficha Técnica

Título
Hanebado!
Nome alternativo
The Badminton play of Ayano Hanesaki!
Baseado em
Mangá
Obra Original por
Kosuke Hamada
Mês / Ano
Julho 2018
Estúdio
Liden Films
Gênero
Seinen, Sports
Duração
13 episódios, 24 minutos cada

Como eu já tinha destacado em um artigo anteriormente, com a proximidade dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, vão surgindo uma enorme quantidade de animes esportivos e a tendência deverá que isso vá seguir adiante. Mas dessa vez, um esporte bem conhecido por quem acompanha jogos olímpicos, mas pouco falado fora deles e principalmente em países onde os esportes coletivos ganham mais destaques, surge o Badminton, um esporte semelhante a tênis jogado em quadra, só que com peteca ao invés de bola.

Como no tênis, o Badminton pode ser disputado de duas formas: Individual, com um jogador de cada lado, ou em Dupla, com dois jogadores de cada lado. E quem assistiu Harukana Receive e conheceu um pouco de vôlei de praia, viu que a pontuação é semelhante, o set vai até 21 pontos e ganha o jogo quem vence 2 sets.

Agora finalmente que conhecemos um pouco das regras, vamos ao anime:

O anime do Studio Liden Films, Hanebado!, adapta o mangá de Kosuke Hamada e nos trouxe uma visão um pouco mais na linguagem das pessoas que acompanham séries de animes esportivos com personagens adolescentes buscando objetivos. Por um lado, temos Ayano Hanesaki (dublada por Hitomi Ohwada), a personagem principal que não queria entrar no clube de Badminton escolar por causa de acontecimentos no passado, mas acaba entrando (bah) pela insistência de sua amiga Erena Fujisawa (dublada por Konomi Kohara) e de seu treinador Kentarou Tachibana (voz de Nobuhiko Okamoto), que é uma pessoa bem conhecida no mundo do Badminton.

Imagem relacionada

Sim, ela é Ayano Hanesaki, a protagonista do anime com sua face desafiadora!

Do outro lado temos Nagisa Aragaki (voz de Miyuri Shimaburuko), uma personagem que se dedica ao máximo no esporte e que de certo momento, acaba parecendo que seria a antagonista do anime por causa de sua maneira de ser, mas que na verdade se tornou assim também por algo em seu passado (Bah de novo). Além dela também contar com o apoio e a experiencia do treinador, ela também tem o apoio de sua melhor amiga e presidente do clube escolar de badminton.

Resultado de imagem para nagisa hanebado

– Cá entre nós, até parece que estamos falando de jogadoras veteranas quando falamos de coisas do passado, mas adolescentes de hoje em dia também tem passados tristes, acredite.

A partir dessa premissa temos o desenrolar da série da qual nós vamos tomando conhecimento sobre cada personagem, seus objetivos e aquela pergunta que elas praticamente se fizeram a série toda: “Por que joga Badminton?”.

Em seu passado, Ayano, que buscava o reconhecimento de sua mãe que é uma profissional no esporte, mas por algum motivo ela o abandonou ainda quando criança. Já Nagisa, que em sua história tem uma triste derrota justamente para Ayano e depois sofre uma grave lesão no joelho, buscava uma certa revanche, no objetivo de tentar vence-la a todo custo.

Apesar disso, no decorrer da série ocorre alguns acontecimentos esperados e inesperados. Do primeiro, é claro que sempre tem alguma personagem arrogante que chega para falar “eu sou melhor do que você”, nesse caso temos a tsundere que apareceu do nada para jogar contra Ayano e derrota-la (pelo menos quando ela foi na quadra da escola de Ayano).

Realmente, elas viram tudo em sua chegada!

Ela é Connie Christensen (voz de Mariya Ise), uma loira dinamarquesa que adora doces, só que de princípio muito arrogante, tanto que num acampamento escolar, ela se mostra ser até mesquinha com suas próprias colegas de escola.

E porque a inclusão dessa personagem se tornou importante? Bom, chega em Ayano e se auto intitula ser uma filha da mãe dela. Daí, meu amigo, você começa a ver o outro lado da protagonista, principalmente em seu olhar macabro hipnótico da peste:

Venha aqui, só quero lhe dar uma abraço!

Uma outra personagem que também tem um passado com Ayano é Kaoruko Serigaya (voz de Asami Shimoda), que quando jogaram uma com a outra, Ayano a venceu e aquilo ficou engasgado na garganta dessa garota. Ela ganha destaque no torneio feminino escolar quando, arrogante que ela é, diz algo como um “já perdeu” para Ayano.

Resultado de imagem para hanebado kaoruko

Não preciso nem dizer a cara que Ayano fez para Kaoruko, né?!

O anime entra na fase do torneio escolar mostrando os esforços de outros e outras personagens a tentar vencer os seus jogos, mas centra em alguns personagens de outras escolas também, além de Ayano e Nagisa.

Imagem relacionada Atenção, a partir desse ponto poderá ter um ou mais spoilers sobre o desenvolvimento do anime. É por a sua conta em risco seguir a diante.

Quando eu falei acima sobre ter uma protagonista e antagonista, nesse ponto o enredo faz parecer que há uma inversão nesses papeis, onde muita gente acaba torcendo mais para Nagisa conquistar seus objetivos do que Ayano, que se tornou uma personagem muito mesquinha e até certo ponto, sem consideração por suas adversárias e pelos seus próprios colegas, como era o caso da Connie que citei acima. Mas para não dar muito spoiler e deixar uma pitada de “acho que vou querer conferir” para quem não assistiu o anime, só digo que uma certa pessoa importante para Ayano retorna para agitar ainda mais as coisas. Acredite, é emoção do inicio ao fim.

Não falei que o negócio ia ficar bem intenso?!

Concluindo o enredo, duas coisas me deixou incomodado: Um foi o final do anime que terminou muito corrido (quem acompanha a publicação original e viu no anime comentou muito isso) e, a própria mãe da Ayano, que achei uma personagem, apesar de bonita, completamente sem sal e sem açúcar, mas não se tornou algo que desmotiva as pessoas a conferir o anime, já que ela também é importante no enredo.

– Jogar fora do Japão? Tudo bem, minha filha pequena já sabe se virar sozinha.

Já o Studio Liden Films, que vem realizando bons trabalhos ultimamente em seus animes, não pecou na animação ao meu entender. As cenas de movimento dos jogos, as raquetadas, suor espirrando e as configurações de cenários de uma quadra esportiva foram muito bem representadas. Isso já se pode ver um pouco logo nas cenas de abertura do anime (creio que muita gente decorou a musica e começava a cantar junto).

Imagem relacionada

Bom, concluindo o review, Hanebado trouxe aos expectadores um esporte não muito popular que é o Badminton, o apresentando de uma forma que talvez quem não vive disso, não sabe o que se passa ou pode-se passar na vida das pessoas que o praticam, independente se são apenas estudantes colegiais em torneios escolares ou então profissionais buscando conquistas.

Eu considerei o anime muito bom e dei nota 8 no MyAnimeList, que até o término dessa matéria está com média de 7,19 no MAL em 2881º lugar no geral. Aqui deixo ele com 4 estrelas e indico esse anime para todos os que gostam de esportes e vê nele a transformação de vida de pessoas, que nem eu vejo.

“- Ei, vamos jogar de novo?” (Hanesaki, Ayano)


– Se você também ideias de matérias, artigos e reviews, entre em contato conosco aqui no site ou através de nossas redes sociais [Facebook – Twitter – Instagram]

  • E ai, o que acha? Chegou a acompanhar Hanebado? Concorda com as opiniões acima? Compartilhe com os amigos e deixe seu comentário aqui pra gente!

– Confira outros reviews aqui no Anime Xis!

– Mais notícias de Animes? Clique neste link!

Não perca nenhuma atualização, siga-nos no Twitter@Anime_Xis InstagramAnime_xis
Conhece nosso Canal no Youtube?
Curtam nossa página no FacebookAnime Xis e entrem no nosso Grupo: Anime Xis!

amazon-mangas

  • Nota

Sobre o autor

Luiz GP

Luiz é editor dos sites Anime Xis e Revista Mundo OK. Formado em Licenciatura Plena em Geografia pela Universidade Estadual Paulista (UNESP) e um fã de animes e cultura japonesa. Além de professor escolar, já atuou como locutor de web-rádio, fã de esportes (principalmente NFL, NBA, NHL, MLB e ciclismo), torcedor do São Paulo FC e baixista de banda de rock as vezes. Duvidas? Siga-me que eu respondo -> twitter e Insta: @oluizgp