Artigos

{De Quinta} A realização de um sonho: Conheça o mangá Chamas Azuis, de Mel-chan

| por:

Postado em: #Anúncios #Brasil #Livros #Mangás #Opinião #Preview #Vídeos

Um belo mundo de fantasia que é a realização do sonho de uma ilustradora brasileira. Conheça aqui a mangaká Mel-chan, sua obra Chamas Azuis e um pouquinho desse trabalho.

Como vocês sabem, eu sou um grande incentivador para as pessoas que buscam alcançar os seus objetivos e trabalham duro para que isso se torne possível. A criatividade, dedicação e empenho são algumas das chaves que nunca pode deixar de faltar para que suas metas sejam alcançadas e, com certeza ao atingi-las principalmente ganhando o reconhecimento de pessoas que à acompanharam nessa luta, o ar de satisfação e orgulho pelo seu feito são visíveis.

Eu fico feliz em dizer isso pois uma amiga minha do twitter conseguiu alcançar o seu objetivo e está realizando o seu sonho de divulgar seu trabalho e um pouco da história que ela criou para os amantes de mangás e de contos de fantasias. No final de Setembro, minha amiga Mel Mascarenhas, conhecida como Mel-chan lançou a sua primeira auto-publicação intitulada Chamas Azuis.

– Meu amigo e colaborador do site MisterGil com certeza vai gostar da bruxinha e não preciso nem dizer o porque… rsrsrs!

Quando ela postou anteriormente uma amostra com as imagens da produção de seu trabalho, eu elogiei bastante a arte pois realmente gostei muito do que vi. No final de Setembro, com o mangá começando a ser lançado ela fez uma divulgação para pessoas próximas e me incluiu (claro, fiquei contente pra caramba) e falei para ela que faria questão de divulgar.

Eu tenho, la la la la lalaaa!!!

É claro que eu também não iria ser cara de pau de pedir um exemplar, mas fiz questão de adquirir assim como muita gente fez e, alguns dias depois, aqui está ele (Nota: Meu vídeo está dividido em duas partes):

Viram ai, está até autografado e não errou meu nome, kkkkk xD

Assim como falei no vídeo do twitter, fiz questão de ler (só demorei um pouco para isso pois estava ajeitando as listas da Temporada de Outono e também cobrindo do BGS em São Paulo), e também mostrar aqui um pouco do que eu achei.

Enredo:

A premissa da história de aventura e fantasia conta uma antiga lenda de um monstro mistico conhecido como o Leão de Chamas Azuis, uma fera que vivia no alto das montanhas até que alguém conseguiu doma-lo e tranca-lo dentro de uma flauta. Nisso, a história nos leva a conhecer um grupo de aventureiros: Kazuki Oota, um jovem aventureiro de 14 anos de idade que é flautista e saiu pelo mundo para propagar sua música; Mai Wylkka, uma jovem e bela aprendiz de bruxa; Rumi e Ruki, dois irmãos descendentes de lobos; e o ex-escritor conhecido como Eiji, que era conhecido por suas obras literárias no passado. Além desses, o grupo ainda tinha a companhia de Rion, que é o espirito do Leão de Chamas Azuis que passou a acompanhar Kazuki mundo afora desde que ele encontrou a flauta.

Apesar disso, a lenda do Leão das Chamas Azuis não é bem vista entre as outras pessoas, sendo que muitas tem medo pois há muitos rumores de coisas ruins e transtornos foram acontecendo por causa do Leão. O que fica de impressão logo de cara neste one-shot é, como é que o grupo conseguirá ajudar as pessoas que sofrem com os problemas e creem que ele foi causado pelo Leão de Chamas Azuis? E quais descobertas fará Kazuki e seu grupo durante suas jornadas?


Opinião:

Ao fazer a leitura desse capítulo one-shot intitulado “A música que iluminará o Amanhã”, achei a história bem direta e bacana, cenários muito bem elaborados, personagens com características próprias e presença (coisa que realmente eu acho importante em muitas obras) e ainda por cima uma premissa que dá vontade de continuar acompanhando a história. O mangá foi bem curtinho, apenas 34 paginas, mas já o suficiente para conhecer bem todo esse mundo que a Mel-chan elaborou e colocou nessas páginas. Ele realmente te leva para dentro de um mundo fantasioso e místico com um conto bem direto e que esconde vários segredos e, também nos faz crer que cada personagem não deve estar ali por acaso (posso dizer que essa foi a primeira coisa que me chamou a atenção quando eles foram apresentados).

É claro que não adianta nada eu ficar falando e falando e, a própria autora do mangá não dizer nada, por isso fiz uma entrevista rápida com ela:

Conheça mais sobre a autora:

1 – Com certeza você deve ter ficado muito contente com o lançamento de sua primeira obra e com certeza deixou muita gente contente também. Você esperava que a recepção de seu trabalho alcançasse essa dimensão?

R: Sim, foi uma grande satisfação quando finalizei este mangá e pude entregar o primeiro exemplar em mãos para uma pessoa, foi aí que caiu a ficha pela primeira vez que um trabalho meu estava realizado. Fazia alguns meses que tinha anunciado no twitter esta proposta, publicava mensagens, pequenos avisos e artes para ir ampliando a visibilidade do público.  Fiquei extremamente feliz com as mensagens que recebi, foram muitas e de todas as partes do Brasil, me apoiando e incentivando a prosseguir com o projeto.

2 – Para esta história de fantasia, no que você se baseou para elaborar todo esse cenário, os personagens, o enredo?

R: Meu grande objetivo era criar uma história com começo-meio-fim, sem dar tanta margem para dúvidas ou lacunas inexplicáveis, queria contar uma história interessante com personagens carismáticos dentro de um contexto fantasioso diferente daquele nosso cotidiano comum. Fui criando aos poucos os integrantes, pensando atentamente na criação do design, dos nomes, a personalidade. 

3 – Você tem algum artista popular (ilustrador, roteirista, mangaká) que te ajudou a inspirar o seu trabalho?

R: Tenho muitas referências. Principalmente àqueles que conseguem mesclar aventuras com magia de forma majestosa como, por exemplo, Hayao Miyazaki. Existem obras e autores que chamam muito a minha atenção e conseguem me inspirar a criar continuamente – Kingdom Hearts, a série Tales, Yoshihiro Togashi, Naoko Takeuchi, o grupo CLAMP e as Futago Kamikita.

4 – O que você gostaria que tivesse em sua obra que você não conseguiu colocar? E o que você não gostaria que tivesse?

R: Não sei exatamente o que gostaria de acrescentar a mais neste volume, mas penso que a proposta não está restrito ao que foi mostrado. Existe muito mais história a ser contada, revelações e novidades que não eram possíveis de serem colocadas justamente nesta apresentação aos leitores, questões que precisarão de um tempo a mais para serem trabalhadas.  

5 – O que é que você mais se orgulha nesse seu trabalho?

R: Acho que de tudo (risos), mas principalmente da recepção dos leitores em relação à obra. Foi gratificante ver que o trabalho se materializou e tornou realidade um sonho tão antigo.

6 – Agora saindo um pouco do mangá e falando da mangaká, quem é a Mel-chan para que as pessoas possam te conhecer melhor?

R: Olá, gente! Sou a Mel-chan (mas me chamo Melissa), tenho 24 anos e sou apaixonada pela cultura Pop oriental. Desde muito jovem gostava de acompanhar animes na televisão e ler mangás de autores consagrados. Às vezes acompanho eventos e procuro me informar bastante das novidades trazidas ao Brasil, isso me motiva bastante. Sou formada em Artes Plásticas há quatro anos. Atualmente estudo Psicologia. Raramente nesta época faço desenhos, é tudo muito corrido, o tempo é apertado e mal consigo criar/desenhar, mas quando tenho oportunidade faço com maior prazer.

7 – Por fim, o que nós poderemos esperar do futuro de Chamas Azuis e do desenvolvimento de Kazuki e seus amigos?

R: Chamas Azuis é um conto muito importante para mim, quero esmiuçar ainda mais no decorrer do tempo, quero apresentar a história na íntegra e contar o que aconteceu desde o princípio que uniu Kazuki com o restante do grupo, falar mais sobre o todo poderoso “Leão de Chamas Azuis” também. Tenho a pretensão de publicar os volumes da série contando a história assim como foi planejado. Mas tudo dependerá da recepção do público, torço para que a série alcance mais pessoas.

8- Uma mensagem final para os leitores:

R: Agradeço à todos pelo carinho e recados que tenho recebido nas últimas semanas, isto fez toda a diferença na minha formação enquanto artista popular. Obrigada à todos e nos vemos em breve, ok?!  


Fico na torcida para que o mangá da Mel-chan tenha agradado cada um dos que adquiram um exemplar assim como eu gostei e torço também para que tenham mais capítulos, pois a história é bem interessante e, também quero conhecer mais sobre cada personagem e seu grau de importancia para o grupo e claro, se teremos mais personagens que impactarão no decorrer da história.

Este mangá eu recomendo a todos que gostam de uma boa história cheia de personagens bacanas e uma boa aventura repleta de mistérios. Também recomendo para aqueles que gostam muito, assim como nós aqui do Anime Xis, de apoiar produções nacionais que envolvem pessoas e sonhos.

Quem quiser adquirir, basta entrar em contato com a própria Mel-chan através do twitter. O valor de cada exemplar é R$ 11,00 com frete à R$ 9,00 para todo lugar do Brasil:

Espero que vocês tenham gostado e fica aqui meus votos de sucesso para Mel nessa sua trajetória como mangaká.


– Se você também ideias de matérias, artigos e reviews, entre em contato conosco aqui no site ou através de nossas redes sociais [Facebook – Twitter – Instagram]. Por favor, também não esqueçam de clicarem no Coraçãozinho vermelho ♥ lá no alto da página para sabermos o alcance dessa publicação.

  • E ai, o que acha? Gostou desse trabalho? Gostou do artigo de hoje? Compartilhe com os amigos e deixe seu comentário aqui pra gente!

– Confira outros reviews aqui no Anime Xis!

– Mais notícias de Animes? Clique neste link!

Não perca nenhuma atualização, siga-nos no Twitter@Anime_Xis InstagramAnime_xis
Conhece nosso Canal no Youtube?
Curtam nossa página no FacebookAnime Xis e entrem no nosso Grupo: Anime Xis!

amazon-mangas

Sobre o autor

Luiz GP

Um fã de animes de olho nas notícias de animes e que gosta Dragon Ball e animes musicais. Além de professor de geografia, narrador esportivo, fã de esportes (principalmente NFL, NBA, NHL, MLB e ciclismo), torcedor do São Paulo FC e baixista de banda de rock as vezes. Duvidas? Siga-me que eu respondo -> twitter e Insta: @oluizsama

  • dmtroxz

    bonito,eu ate ja sabia da existência so que a obra não faz meu gosto.

  • ArgO

    Achei interessante a proposta, espero que Mel-chan seja um empurração que precisamos para mais mangas brasileiros.

    • Mel-chan

      Olá @freyasbell:disqus
      Agradeço pelas palavras!
      Sim, é preciso dar oportunidades aos artistas brasileiros!

  • Primeiramente Parabéns pra ela.
    O enredo parece de aventura clássico, isso é bom, as aventuras infelizmente foram deixadas um pouco de lado. #MaisaventuraMenosTetsuo
    Legal que ela desenha o cenário, diferente de certas pessoas, tem um traço bonito estilo ocidental pra mim.
    O protagonista não desperta confiança, não consigo deixar de pensar que é ela.

    • Mel-chan

      Olá @@henryangle:disqus ,
      Aqui quem fala é a autora! Gosto de criar histórias de aventuras, no estilo clássico mesmo, é uma paixão de infância que mora comigo até hoje! rs
      Não entendi o que quer dizer com “diferente de certas pessoas”, mas penso que existem muitos artistas com trabalhos fantásticos por todo o Brasil e que merecem seguir seus sonhos!

      Em relação ao protagonista…. acredite! Ele é 100% confiável! Um sujeito de coração puro que sempre está disposto a fazer o bem para os outros, qualidades importantes para um protagonista.
      Não menos importante, a Mai (bruxa) é uma integrante que faz a diferença para a história, bem dinâmica e cômica ;
      Na verdade, acho que todos os personagens “são ingredientes importantes”

      Caso tenha interesse em conhecer a história, me mande uma DM pelo twitter!

      Abraços!
      – Mel-chan

      • Não estou falando de artistas brasileiros, mas de profissionais japoneses de renome (com anime e tudo) que usam fundo branco até em oneshot, não vou mencionar o nome porque tem muitos fãs deles que ficam brabos.

  • Mel-chan

    Antes de tudo, quero agradecer o Luiz Gustavo pelo convite para fazer a entrevista! Foi divertido responder as perguntas, algumas me fizeram ficar bem pensativa.
    A matéria ficou fantástica, o enredo descrito é exatamente o objetivo que gostaria de ter passado.

    Muitíssimo obrigada!~~

    • Oi Mel, muito obrigado por confiar em nosso trabalho. A repercussão nesses dias foi muito positiva e espero que tenha sido positiva para você também.VocÇe mandou muito bem nas entrevistas.
      Vou ficar na espera pelos próximos capítulos. xD