Notícias

Reki Kawahara agradece e pede desculpas as seiyuus pelo último episódio de SAO Alicization

| por:

Postado em: #Animes #Fãs #Japão #Novels / Light-Novels #Preview #TV #Vídeos

Cena quente do Episódio 10 de SAO III repercutiu muito que, além dos cortes de cenas em diferentes veículos transmitidos, fez até o autor da obra se desculpar com as seiyuus.

O autor de Sword Art Online, Reki Kawahara, foi ao Twitter pedir desculpas às dubladoras do anime após o último episódio de Sword Art Online: Alicization exibido no último sábado (08/12). O episódio é considerado o mais gráfico e violento da série até hoje e transmitido no Crunchyroll começando com um aviso de conteúdo para “violência e agressão sexual” e exibiu o episódio com cenas censuradas.

Dei um print na tela do meu pc na hora.

Kawahara disse: “Ishihara, que interpreta Tiese, e Kondo, que interpreta Ronye, ​​ambos realizaram uma cena dolorosa com desenvoltura. Muito obrigada! E me desculpe, sinto muito”.

Reina Kondo respondeu ao tweet de Kawahara, dizendo: “Obrigada! Acho que todo mundo ficou mais forte por causa da experiência! Vou continuar a trabalhar duro ao lado de Ronye. Estou ansioso para o que acontecerá em seguida”.

Em um tweet posterior, Kawahara expressou mais ambivalência sobre o conteúdo do episódio e ofereceu uma explicação para por que a série contém várias ocorrências de agressão sexual. “Isso pode ser um pouco tarde, mas se você está se perguntando por que a SAO tem tantas dessas cenas, um número considerável de light-novels (embora não fossem chamados de light-novels naquela época), sagas épicas e histórias de aventura que eu li durante o ensino médio, continha os elementos da trama. Eu citaria Ōgun Hakusha (Gold Spur) como um título representativo. Minha escrita estava ligada a isso como se estivesse sob um feitiço”.

Ver essa cena me causou uma dor no coração!

“Hoje em dia, o feitiço finalmente desapareceu. Hoje em dia eu preferiria expressar a catarse através de outros meios. Se fosse uma cena absolutamente necessária para a história, eu a escreveria, mas preferiria fazer isso em um livro que não fosse uma light-novel.”

Kawahara também indicou sua surpresa na adaptação do anime, que ele acredita que tornou o conteúdo de seus romances ainda mais extremo. “Acredito que o nível de aspereza em SAO é extremamente mediano para as light-novels. A direção, animação e dublagem no anime são muito poderosas, o que impulsionou absolutamente o impacto [das cenas]. Quem teria pensado que Raios faria um salto tão exagerado…!”

– Parabéns Kawahara, isso sim é ter discência em se importam com as pessoas com quais trabalha. Acredito que não apenas as seiyuus, mas toda a equipe de produção e seus fãs ficam contente com este ato!

Aqui uma rápida comparação divulgada no Youtube de como cada veiculo apresentou o momento mais tenso do episódio 10 de Sword Art Online: Alicization (ATENÇÃO: O vídeo pode estar bloqueado dependendo da sua região e além disso, apresenta cenas fortes e SPOILERS. É por sua conta em risco assistir):

Visual mais recente:

Sword Art Online: Alicization, a 3ª Temporada da adaptação em anime Sword Art Online estreou nas Tvs japonesas em 06 de Outubro. A série terá 2 partes de 24 episódios, totalizando 48 da série inteira.

O anime adaptará do 9º volume (O começo do arco Alicization) até o 18º volume (O final do arco Alicization).

Enredo do arco Alicization:

Essa saga acompanha Kirito em um mundo virtual projetado para “cultivar”inteligências artificiais. Esse projeto militar é chamado de “Alicization”. O projeto tinha como objetivo criar uma inteligencia artificial capaz de tomar decisões“humanas” que fugissem ao conjunto de regras que lhes são passadas quando “nascem” nesse mundo. Ou seja, eles queriam uma Inteligência Artificial que fosse capaz de ter emoções complexas como os seres humanos, e que essas emoções acabassem os fazendo desobedecer as leis do mundo em que vivem. Até o momento, no entanto, o objetivo não foi alcançado. A máquina de criação de IAs é baseada na que o criador de SAO usou para passar sua mente para internet no primeiro arco. Eles a aprimoraram e usaram em bebes recém nascidos para terem mentes humanas “zeradas” como cobaia (clonar a mente de um adulto gerava problemas).

O Project Alicization adota uma nova tecnologia de realidade virtual, uma que usa as próprias memórias e percepções humanas para construir um mundo tão ou mais verossímil que o real. Através desta nova tecnologia, o Soul Translator, é possível também regenerar conexões neurais perdidas. Para isso, porém, é necessário que o tempo dentro do mundo virtual Underworld seja acelerado em mais de 1000 vezes.

O mundo de Underworld é um plano circular povoado por cerca de 80.000 inteligências artificiais replicadas de humanos reais, possui quase 400 anos de idade e é dividido em quatro reinos pacíficos unidos sob uma igreja. Nas bordas do círculo há uma serra de montanhas geladas, que limitam o mundo “humano” e o “mundo das trevas”.
UnderWorld é baseado na época medieval e no Alice No País das Maravilhas, daí o nome Alicization A.L.I.C.E (Também o nome da garota protagonista do arco Alice).

Staff:

Manabu Ono  (Horizon in the Middle of Nowhere, Saki, The Asterisk War) está dirigindo o anime na A-1 Pictures. Os diretores de animação do filme Sword Art Online: Ordinal Scale, Gou Suzuki e Tomoya Nishiguchi vão se juntar a Shingo Adachi para os desenhos dos personagens.

A equipe de produção recém-anunciada inclui:

Diretor Assistente: Takashi Sakuma
Compositor de Música: Yuki Kajiura
Projeto do suporte: Mami Hayakawa, Kiminori Itō
Design do Monstros: Toshiya Kawano
Diretor de animação de ação: Yoshihiro Kanno, Tetsuya Takeuchi
Diretor de Arte: Yukako Ogawa, Yoshito Watanabe
Design de arte: Kenichi Morioka, Yuuho Taniuchi
Artista de cor: Naomi Nakano
Diretor de fotografia: Kentarō Waki, Kenta Hayashi
Motion Graphics: Takemune Ōshiro
Diretor de CGI: Ryuta Undo
Editor: Yūji Kondō
Diretor de som: Yoshikazu Iwanami
Efeitos sonoros: Yasumasa Koyama

Visuais anteriores:

A cantora LiSA interpreta a canção tema de abertura “Adamas” enquanto Eir Aoi interpreta a canção de encerramento “Iris”. O Single CD de “Iris” foi lançado no Japão em 24 de Outubro.

Ambos os cantoras já interpretaram músicas para temporadas anteriores da franquia. Mais recentemente Eir Aoi cantou o tema de abertura de Sword Art Online Alternative Gun Gale Online.

Sobre Sword Art Online:

Sword Art Online é uma série japonesa de light-novels escrita por Reki Kawahara e ilustrado por Abec. A série se passa em um futuro próximo e se concentra em vários mundos de realidade virtual MMORPG. As novels começaram a serem publicadas na Dengeki Bunko da editora ASCII Media Works em 10 de abril de 2009, com uma série spin-off lançada em Outubro de 2012. A série gerou oito adaptações de mangá publicadas pela ASCII Media Works e Kadokawa. Além disso, as novels originais e quatro das adaptações de mangá foram licenciadas para lançamento na América do Norte pela Yen Press. No Brasil, o mangá é publicado pela Editora Panini.

Enredo:

Escapar é impossível até o jogo ser completado, um game over significa uma verdadeira morte. Sem saber a verdade da misteriosa nova geração do RPG, Sword Art Online, aproximadamente 10 mil jogadores logaram juntos, abrindo as cortinas para essa cruel batalha mortal. Jogando sozinho, o protagonista Kirito imediatamente aceitou a verdade desse RPG, e no mundo do jogo, em um castelo flutuante gigante chamado Aincrad, ele se distinguiu como um jogador solitário. Buscando completar o jogo alcançando o andar mais alto, Kirito arriscadamente continua sozinho. Por causa de um convite agressivo de uma guerreira e especialista em esgrima, Asuna, ele se juntou a ela. Esse encontro trouxe uma oportunidade para chamar pelo destinado Kirito.

Uma série anime de TV produzida pela A-1 Pictures foi ao ar no Japão entre Julho e Dezembro de 2012. Um episódio especial chamado Sword Art Online: Extra Edition foi ao ar em 31 de dezembro de 2013 e a segunda temporada do anime intitulada Sword Art Online II”  foi ao ar entre Julho e Dezembro de 2014. Recentemente, um filme anime intitulado Sword Art Online: Ordinal Scale estreou nos cinemas japoneses em 18 de Fevereiro.

A série também foi adaptada para os videogames sendo elas: Sword Art Online: Infinity Moment, lançado para o PSP em Março de 2013; Sword Art Online: Hollow Fragment, lançado para o PS Vita em Abril de 2014; e Sword Art Online: Lost Song, lançado para PlayStation 3 e PS Vita em Março de 2015. Recentemente, a franquia também está ganhando um jogo crossover com outra série de Reki Kawahara, Accel World, intitulado Accel World VS Sword Art Online: Millennium TwilightA franquia está recebendo mais dois games.

A produtora independente norte-americana, a Skydance Television, está produzindo uma série de televisão global de live-action, que recentemente passou para as mãos da Netflix. Também será produzida uma experiência de realidade virtual em breve.

Durante o evento Dengeki Bunko Aki no Saiten 2017 no dia 01 de Outubro 2017, foi anunciada a terceira temporada do Anime Sword Art Online que irá cobrir o arco Alicization e também foi anunciada a adaptação em anime de Sword Art Online Alternative Gun Gale Online que foi ao ar entre Abril à Junho 2018.

Por enquanto isso é tudo, mas a nossa central de animes continuará atenta para novidades.

Fonte: ANN

  • E ai, contente com a notícia? Compartilhe com os amigos e deixe seu comentário aqui pra gente!

– Leia mais sobre Sword Art Online aqui no Anime Xis!

– Mais notícias de Animes? Clique neste link!

Não perca nenhuma atualização, siga-nos no Twitter@Anime_Xis InstagramAnime_xis
Conhece nosso Canal no Youtube?
Curtam nossa página no FacebookAnime Xis e entrem no nosso Grupo: Anime Xis!amazon-mangas

Sobre o autor

Luiz GP

Luiz é editor dos sites Anime Xis e Revista Mundo OK. Formado em Licenciatura Plena em Geografia pela Universidade Estadual Paulista (UNESP) e um fã de animes e cultura japonesa. Além de professor escolar, já atuou como locutor de web-rádio, fã de esportes (principalmente NFL, NBA, NHL, MLB e ciclismo), torcedor do São Paulo FC e baixista de banda de rock as vezes. Duvidas? Siga-me que eu respondo -> twitter e Insta: @oluizgp