Notícias

Oscar 2020 tem mudanças na votação da categoria de Melhor Longa Internacional

| por:

Postado em: #Animes #Anúncios #Cinema #Japão

Todos os membros elegíveis da Academia do Oscar agora podem votar nos cinco últimos indicados da categoria. Filme anime Tenki no Ko é o representante do Japão.

OscarA Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, responsável pelo Oscar, já tinha alterado o nome da categoria Melhor Filme em Língua Estrangeiro para Melhor Filme Internacional (que é chamada popularmente de melhor filme estrangeiro aqui no Brasil). Agora temos uma nova mudança na dinâmica dessa indicação: todos os eleitores da Academia poderão escolher os indicados ao prêmio.

Até o ano passado, um comitê era responsável por fazer uma lista prévia de nove filmes entre todos os inscritos na categoria e depois definir a lista dos cinco finalistas. Um carta enviada a todos os membros da Academia agora indica que será uma lista de dez filmes pré-selecionados – sete dos quais serão selecionados no comitê e três deles serão “salvos” pelo comitê executivo.

Os filmes dessa lista prévia serão disponibilizados em um sistema de streaming do próprio Oscar com acesso a todos os membros votantes. Aqueles que assistirem a todos os filmes da lista poderão participar da votação para definir os indicados.

As mudanças fazem parte de um projeto para tornar o Oscar mais inclusivo,após as diversas críticas de falta de representatividade nas premiações. Nos últimos anos, a academia também passou a convidar muito mais membros, principalmente mulheres, não brancos, e de fora dos Estados Unidos.

Este ano, existem 93 países na disputa pelo melhor filme internacional. Entre nomes que já se destacam estão Parasita, da Coreia do Sul, e Dor e Glória, da Espanha. O filme brasileiro inscrito na premiação foi A Vida Invisível.

O Japão indicou nesta categoria o filme anime de Makoto Shinkai, Tenki no Ko: Weathering With You. Este é o primeiro filme anime apresentado pelo Japão nesta categoria desde Princess Mononoke (Mononoke Hime), de Hayao Miyazaki e Studio Ghibli, em 1998.

– NOTA: Nessa categoria de filmes estrangeiros não tem filmes de produtoras Norte-Americanas (Disney, Warner, etc) e, dependendo de seus concorrentes estrangeiros, logo é uma ótima oportunidade para que um anime volte a ganhar o Oscar e quem sabe não ganha duas de uma vez?! Vamos aguardar!

Além disso, 4 filmes animes foram pré-indicados na categoria de melhor filme de animação:

Children of the Sea (Kaijuu no Kodomo) de Ayumu Watanabe e do Studio 4°C
Wakaokami wa Shougakusei(Okko’s Inn) de Kitaro Kousaka e dos estúdios DLE e Madhouse
Promare de Hiroyuki Imaishi e do estúdio Trigger
Tenki no Ko / Weathering With You de Makoto Shinkai e da CoMix Wave Films

No máximo cinco filmes da lista receberão a indicação. Nem todos os filmes realizaram pelo menos sete dias de exibição em um teatro do condado de Los Angeles para se qualificar para consideração ainda.

Os 5 nomeados serão revelados a 13 de Janeiro de 2020 e a cerimônia de entrega dos Oscar será a 9 de Fevereiro de 2020.

A Academia alterou recentemente as regras de elegibilidade para a categoria Animação de longa-metragem, eliminando a exigência de que oito animações elegíveis tenham lançamentos cinematográficos num único ano civil para a categoria ser ativada. Além disso, a votação de nomeações é aberta automaticamente aos membros do Ramo de Curtas-metragens e Animações.

Em 2018 foram pré-indicados 25 filmes animados sendo nomeado o filme anime Mirai no Mirai de Mamoru Hosoda e do Studio Chizu, porém o grande vencedor do Oscar foi Spider-Man: Into the Spider-Verse.

Por enquanto isso é tudo, mas a nossa central de animes continuará atenta para novidades.

Fonte: Deadline

– Leia mais sobre cinema aqui no Anime Xis!

– Mais notícias de Animes? Clique neste link!

Não perca nenhuma atualização, siga-nos no Twitter@Anime_Xis InstagramAnime_xis
Conhece nosso Canal no Youtube?
Curtam nossa página no FacebookAnime Xis e entrem no nosso Grupo: Anime Xis!

Sobre o autor

Luiz GP

Luiz é editor dos sites Anime Xis e Revista Mundo OK. Formado em Licenciatura Plena em Geografia pela Universidade Estadual Paulista (UNESP) e um fã de animes e cultura japonesa. Além de professor escolar, já atuou como locutor de web-rádio, fã de esportes (principalmente NFL, NBA, NHL, MLB e ciclismo), torcedor do São Paulo FC e baixista de banda de rock as vezes. Duvidas? Siga-me que eu respondo -> twitter e Insta: @oluizgp